17/05/2018

Não confunda fundo de pensão com pensão sem fundos

O noticiário recente voltou a colocar alguns fundos de pensão na berlinda. Postalis, Petros e Funcef (dos funcionários dos Correios, da Petrobrás e da Caixa, respectivamente) já vinham aparecendo por penalizarem seus participantes ativos e assistidos com a necessidade de cobertura de pesados déficits, gerados por problemas diversos que vão de questões conjunturais à má gestão de recursos. Ao grupo noticiado, agora, juntou-se a Fundação Rede Ferroviária de Seguridade Social (Refer).

Essa divulgação – importante para toda a sociedade – acaba, infelizmente, contribuindo para a formação de uma percepção equivocada de que todos os fundos de pensão (ou entidades de previdência complementar) são iguais e apresentam problemas. Mas não são. Por isso, é importante que você, participante da FAECES, saiba:

1. Problemas apresentados por um fundo de pensão não afetamos investimentos de outra entidade, nem do segmento.

2. Numa entidade, cada plano de benefícios é único, tem sua contabilidade própria. Seus recursos não se confundem com os de outros planos e nem podem ser utilizados livremente pela entidade que os administra.

3. As entidades de previdência complementar são fiscalizadas de forma rigorosa e rotineira pela Superintendência de Previdência Complementar – Previc, que verifica aspectos como governança e controle de riscos.

4. Déficits podem ser ocasionados também por problemas conjunturais (como um cenário econômico desfavorável, que dificulta a obtenção de rentabilidade superior à meta atuarial), nem sempre se referindo a má gestão.

5. A FAECES administra atualmente dois planos de benefícios: o Plano BD, de benefício definido, que voltou a apresentar superávit tanto em 2017 como também nos primeiros quatro meses de 2018 (acumulados), reduzindo o déficit conjuntural apresentado em 2016; e o Plano de Benefícios II, cujos benefícios são formados pela reserva individual acumulada pelo participante, independentemente de questões atuariais. Os resultados desses dois planos não se misturam.

Reforçamos que a FAECES busca, cada vez mais, a adoção de boas práticas de Governança Corporativa, controle de risco operacional e de investimentos, pratica uma gestão idônea e possui, na equipe e nos colegiados, profissionais habilitados, certificados e capacitados para administração dos planos de benefícios para garantir aos seus participantes e assistidos melhores condições de aposentadoria e assistência à saúde adequada.

Qualquer dúvida, entre em contato conosco pelo telefone (27) 2122-3900 ou pelo e-mail faleconosco@faeces.com.br.

Compartilhe: