Alta do INPC em janeiro afeta as prestações de empréstimos

Devido ao aumento do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) verificado em janeiro (1,51%, contra 0,90% em dezembro de 2015), as prestações a serem pagas pelos participantes que solicitaram empréstimos à FAECES e que serão cobradas no mês de março serão maiores que aquelas cobradas em fevereiro.

Isso acontece por que a correção mensal sobre o saldo devedor do empréstimo é composta de juros fixos e atualização monetária – que varia mensalmente e é cobrada com base no INPC de dois meses anteriores ao período vigente.

A Fundação não pode diminuir a correção dos empréstimos por que a legislação impõe que o empréstimo tenha uma correção superior à taxa mínima atuarial. Além disso, ao mesmo tempo que o empréstimo é um benefício para o participante que o solicita, ele também é um tipo de investimento para a FAECES. Assim, reduzir sua correção traria impacto sobre a rentabilidade dos planos de benefícios (que tenderia a reduzir também).

Em caso de dúvidas, fale com a Fundação pelo telefone (27) 2122-3900 ou pelo e-mail faleconosco@faeces.com.br.

Leave a Comment